novidades e outras coisas

lobo mau

 

 

A foto acima (retirada do Fauna Ibérica) é assombrosa.

Todo o estereotipo contra o lobo pode encontrar fundamentação nesta imagem (substitua-se o bambi pelo carneirinho branco, pela Capuchinho Vermelho ou pelos 3 porquinhos).

Mas o contexto é outro:

A cabeça de cria de Veado (Cervus elaphus) que transporta entre as presas e o abdómen bastante dilatado que se pode ver na imagem são sinais de uma refeição faustosa. Não para si mas para as suas crias…
Uma vez chegado ao vale as crias irão rodeá-lo, lambendo-lhe o focinho. Num gesto repetido desde há milénios ele irá regurgitar o que ingeriu minutos antes e será o produto dessa regurgitação e a cabeça de veado que irão alimentar a nova geração de lobos portugueses.” (in Fauna Ibérica)
E esta é a narrativa da vida.

 

Anúncios

Comentários a: "lobo mau" (4)

  1. Caro Pepe…
    beh, purtroppo la “grande favella degli umani” ne ha raccontate di storie cattive sopra questi animali che ritengo nobili.
    Abbiamo dimenticato da dove discendono i nostri cani da compagnia?
    E permettimi una battutina cattiva darwiniana… da dove discendiamo noi stessi? 🙂
    Anche nel nostro piccolo canton Ticino, che tu sai al sud della Svizzera, la storia del lupo famelico fa letteralmente “strage” di ignoranti con poco encefalo che se la bevono…
    Lasciamo la Natura auto-regolarsi!
    Sant’Iddio, Pepe, se il lupo uccide per cibare la sua prole e se stesso… guardiamo ad esempio i migliaia di capi di bestiame che l’uomo uccide per mettere bistecche sopra il grill!
    In fondo la differenza è abissale: il lupo uccide per sopravvivere… l’uomo (ammettiamolo or dunque) a dismisura consuma carne cosa non del tutto necessaria alla sua sopravvivenza!
    Un forte abbraccio, a presto e serena serata
    :-)claudine

    (não tenho o tempo para fazer uma traduçao ;-)))))

  2. Claudine, é sempre um prazer ler os seus comentários em italiano. Creio que já lho disse antes: entre nós, falantes das línguas neo-latinas, entendemo-nos bastante bem havendo vontade.

    Ainda há lobos em Ticino? Em Portugal são duas centenas, creio, todos a norte nas serras do interior.
    Mas as mentalidades demoram a aceitar a realidade dum animal admirável e, já agora, de grande importância (ia dizer “utilidade”) para o meio ambiente.

    Geralmente, só tememos o que não conhecemos.
    um grande abraço para si

  3. Sim, temos alguns lobo nos vales superiores… infelizmente, alguns animais pobres e isolados.
    Algum idiota às vezes reclamando que mata algumas cabeças de gado. Então é o alvoroço! Eu me pergunto: por que não dar-lhe um pouco de comida? Por isso evitaria essas histórias para as crianças não dormir à noite ;-)))
    Vamos lá, vamos enfrentá-lo: o homem (o pior dos animais) tem o péssimo hábito de transformar tudo ao seu favor… deixá-los viver os lobos que não são nada mas que cães selvagens!
    Abraço na paz, amigo Pepe!

    PS. Hai perfettamente ragione, posso capire tutto ciò che scrivi questo è il bello dell’italiano e portoghese così simili… ma IO DEVO fare un po’ di esercizio con la tua lingua…
    ah ah ah… altrimenti non mi beo nel visitarti anche per una ragione non solo culturale!!!!
    :-)claudine

  4. belissimo, cara Claudine! 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: