novidades e outras coisas

as palavras e as ideias

As comemorações do centenário da República sempre se revelaram de algum interesse: das polémicas e obras publicadas, fica claro que é um período mal conhecido da generalidade dos próprios historiadores de encomenda. Apesar de haver um título de 1976 “O Poder e o Povo: A Revolução de 1910″, da autoria de Vasco Pulido Valente, que é considerado o melhor que se fez sobre o assunto (não li, mas acredito). 

O que ressalta de tudo isto são as falsas associações: república-democracia, monarquia-autoritarismo, república-liberdade,  a realidade é sempre mais complexa do que a retratada nos discursos comemorativos. Mas para perceber porquê há que evitar as explicações preguiçosas. 

Basicamente, o que fica, e nunca é demais lembrar, vivemos numa sociedade onde não são reconhecidos privilégios de sangue. Ou, como se dirá numa linguagem mais actual: a genética não garante um bom chefe-de-estado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: