novidades e outras coisas

De Predrag Matvejevitch li o Breviário Mediterrânico e logo fiquei abismado com o estilo poético e erudito como desfiava histórias, pintava paisagens e retratava tipos humanos. Depois há sua visão dum espaço comum de integração e de diferenças que se vai construindo ao longo dos milénios e dos espaços à volta do grande mar interior.

Mais recentemente li o Epistolário Russo onde se acumulam cartas ao longo dos anos em que visitou a Rússia Soviética, ele próprio como representante dos “intelectuais” yugoslavos. Para os nostálgicos de outros tempos será mais um livro para deitar ao caixote de lixo da História, mas para qualquer outra pessoa é um documento precioso sobre a irrealidade do quotidiano.

 

Nasceu na Bósnia-Herzegovina em 1932, filho de pai russo e mãe croata, um bom exemplo da outra Europa, aquela cujas fronteiras se movem incessantemente, os impérios se sucedem, as guerras somente interrompidas por algum tempo, numa manta de retalhos étnicos tanto mais artificial superficial quanto sujeita a surtos pestíferos de nacionalismo letal.

Por ter escrito sobre o surto que desfez a ex-Yugoslávia, Pedrag apontou o dedo àqueles que usaram a palavra (escritores e jornalistas) para desencadear e justificar a violência e a expulsão de populações inteiras. Significativamente, o texto publicado em jornal intitulava-se “Os nossos Talibãs“. Pelos vistos, houve quem se sentisse ofendido com a designação de “talibãs cristãos” e levou o assunto ao tribunal, na Croácia (seu actual país de nacionalidade), onde o crime de difamação é pesadamente castigado. E foi condenado à prisão.

Amanhã, será o seu primeiro dia atrás das grades.

nota em 02/08/10: Felizmente, não se passou nada. Et pour cause…”il n’y a en effet aucun risque que Predrag Matvejevitch soit emprisonné, puisque aucune décision de justice en Croatie ne le motive. (…)  J’ajoute pour finir que non seulement Predrag Matvejevitch n’est sous la menace d’aucune peine d’emprisonnement, mais, qui plus est, que je l’ai récemment nommé pour me représenter personnellement auprès de l’Organisation internationale de la francophonie. (Ivo Josipovic, presidente da República da Croácia in Le Monde)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: