novidades e outras coisas

na linha da frente…

Quando a minha filha me disse que as matrículas para o 11º ano eram só naquelas duas manhãs de 2 e 3 de Julho pensei “Ena, vai ser fácil arranjar tempo com tantas opções!”  Depois, e vendo os impressos, documentação e dinheiro exigido, pensei melhor “Simples, simplex mesmo, era  entregarem os impressos aos alunos uns dias antes do final das aulas para que os pais preenchessem a papelada e a devolvessem (juntamente com o mais que era pedido) pela mesma expedita via” .

Porém, recordando que vivemos num país onde faltam empregos, voltei a mudar de ideias: afinal, assim diminuíam os trabalhos para os administrativos da escola que ficavam na eminência de ver diminuídos também os postos de trabalho. Por alguma razão não sou ministro, nem burocrata ínsigne.

Daí a surpresa, quando me apresentei numa das duas manhãs indicadas, ao deparar com a directora de turma da minha filha a receber os encarregados de educação e respectivas papeladas de matrícula. Pelos vistos, a senhora ainda tem tempo para tratar das minudências administrativas da escola, para além de se dedicar ao ensino! “Isto deve ser a ansiada produtividade que falta aos portugueses! pensei eu de que, na altura, fingindo encarar com toda a naturalidade os dotes insuspeitados da senhora directora de turma, também professora.

Além da actividade propriamente administrativa, a directora ainda teve tempo de entregar a avaliação do último período, responder às questões sobre a minha filha e coisas assim, que abreviei o melhor que pude para não atrasar o atendimento dos pais que faziam fila atrás. No final, ela disse que ainda tinha de me dirigir a outra mesa para ser atendido por administrativos em carne e osso que receberam o dinheiro da matrícula e conferiram os papéis que a directora havia acabado de controlar.

Estava contando isto hoje a um rapaz amigo, imaginando surpreende-lo, quando ele é que me surpreende a mim com a sua experiência numa instituição do ensino superior público enquanto docente: a dita instituição tem dois funcionários administrativos para cerca de dois mil alunos, por isso calha ser ele a gerir áreas fundamentais como a das fotocópias (confesso que, envergonhado com a minha ignorãncia em matéria de ensino em Portugal e no resto do mundo, não pedi detalhes da função) entre outras coisas que faz e que, em tempos, ele próprio julgava não fazer parte da actividade docente. Fora isso, ainda tem tempo para dar aulas a 200 alunos.

Mesmo assim estranhei tão poucos funcionários, mas ele frisou que fora esses dois da área administrativa haviam mais uns dois ou três para a biblioteca e três assessoras para o manda-chuva lá da instituição. Porque a limpeza era em regime de outsourcing, que é coisa que assim dita até cheira melhor.

Três?! E que fazem as três assessoras? perguntei. Ele não sabia muito bem, até desconfiava que a sua simples existência ia ao arrepio das noções mais básicas de gestão de recursos humanos RH que lá nessa instituição se ensinam, mas quem era ele para o dizer a alta voz? A instituição está “em instalação” há 14, 16 anos, todo o pessoal docente com contratos renováveis de 2 anos… para quê incomodar o manda-chuva com impertinências?

Melhor esclarecido sobre a qualidade do ensino neste país florido cheirando a rosas e alecrim, só não entendo quem ainda duvide da revolução tecnológica prometida

Anúncios

Comentários a: "na linha da frente…" (1)

  1. Parabéns pelo texto. Está fantástico.
    O mais grave é que hoje os professores, com receio de represálias na avaliação (ver a minha mensagm “ É possível sobreviver com esta avaliação do desempenho? “)
    fazem tudo sem nada contestar. E ai dos que contestam…
    Um abraço
    Regina

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: